04 de agosto de 2021
Campo Grande 26º 16º

Azambuja e Figueiró se reúnem com Aécio Neves para avalizar aliança com PT no Estado

A- A+

O senador Ruben Figueiró e o deputado federal Reinaldo Azambuja, ambos do PSDB< estiveram na manhã de hoje reunidos com o presidente nacional do partido e pré-candidato tucano à presidência da República, senador Aécio Neves, que, segundo Figueiró, reiterou a afirmativa de que o diretório regional de Mato Grosso do Sul possui ampla autonomia para definir as alianças para as próximas eleições em âmbito estadual. “Aécio deu total liberdade ao Diretório Estadual para que defina o melhor encaminhamento em relação às alianças e coligações com vistas a fortalecer o partido em Mato Grosso do Sul”, afirmou o deputado Reinaldo Azambuja. A reunião aconteceu dois dias depois de o PT anunciar a composição de aliança entre os dois. O anúncio foi feito ontem no início da tarde da última segunda-feira pelo presidente regional do PT-MS, prefeito de Corumbá Paulo Duarte. O anúncio causou incômodo na classe política do Estado. O pré-candidato do PMDB, por exemplo, afirmou ontem pela manhã que considera a aliança um ato de desespero do PT. O senador Rubens Figueiró defende a aliança e reitera a posição da executiva nacional no intuito de minimizar o contra-ataque da oposição que tenta a todo custo jogar um balde de água fria nos planos tucanos e petistas. “O PSDB, no âmbito estadual, pode e deve continuar as conversações que está mantendo com todas as correntes político-partidárias, que desejam por meio de um programa uniforme conquistar o poder”, disse o senador Ruben Figueiró. Os dois parlamentares não esconderam a satisfação com o resultado do encontro. Segundo eles, alguns detalhes ainda precisam ser definidos antes de haver uma manifestação formal a respeito das alianças em Mato Grosso do Sul. Heloísa Lazarini com assessoria