21 de abril de 2021
Campo Grande 32º 18º

Bernal vai ao Gaeco para falar com promotor da Coffee Break, não é recebido, mas entrega documentos

A- A+

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), acaba de deixar prédio do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

Segundo informações obtidas pelo MS Notícias, Bernal chegou "de sopetão" e pediu para ser atendido pelo promotor Marcos Alex Vera, responsável pela investigação da Operação Coffee Break, porém, como não havia agendado horário e promotor já estava em outra reunião, o prefeito não foi atendido.

Não sabe oficialmente se a visita de Bernal foi para denunciar o que ele chamou na manhã desta segunda-feira (30) de golpe político contra ele diante da escolha de João Rocha (PSDB) como presidente da Câmara. Bernal disse pela manhã que iria ao Ministério Público denunciar caso, depois de ter recebido foto que mostra a tela de um celular onde há mensagem de WhatsApp (leia aqui) em que duas pessoas conversam sobre eleição de Rocha. "Concluída eleição? Bernal roda e Rocha assume?", diz o texto.

Ainda segundo informações apuradas pelo MS Notícias, Bernal foi atendido pela assessoria do promotor Marcos Alex e protocolou alguns documentos.