28 de setembro de 2020
Campo Grande 34º 24º

IMPARCIALIDADE

Haddad ironiza Moro sobre 'neutralidade' do caso Marielle: "logo quem"

Em entrevista, Sergio Moro defendeu a federalização do caso Marielle para garantir "neutralidade"

 O ex-prefeito e ex-candidato presidencial pelo PT, Fernando Haddad, ironizou declaração feita pelo ministro da Justiça, que tirou Lula das eleições de 2018 e depois assumiu cargo no governo do adversário no pleito, Jair Bolsonaro. Em entrevista, Sergio Moro defendeu a federalização do caso Marielle para garantir "neutralidade". "Logo quem", rebateu Haddad.

"Esse é um caso que tem que ser investigado com neutralidade, dedicação e sem politização. Essa questão do envolvimento do nome do presidente nisso aí, para mim, é um total disparate. Uma coisa que não faz o menor sentido. O que se constatou foi um possível envolvimento fraudulento do nome do presidente", afirmou Moro, em entrevista à rádio CBN.