13 de abril de 2021
Campo Grande 33º 21º

Jateí: Presidente da Câmara é preso por suspeita de peculato e associação criminosa

O presidente da Câmara de Vereadores de Jateí - distante 292 quilômetros de Campo Grande - Francisco Araújo (PT) foi preso pelo Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco) na manhã desta quita-feira (10) . A prisão faz parte da Operação Polígrafo.


Além de Francisco, as vereadoras Rose Monica Duck Ramos (PSL) e Maria Aparecida Neres Leite (PR), mulher do ex-prefeito de Jateí, Eraldo Jorge Leite, também foram presas. Rose foi presa em Jateí na sua residência e Maria foi presa em Campo Grande.

Policiais e promotores do Gaeco cumpriram durante manhã nove mandados de busca e apreensão de documentos e celulares na Câmara de Vereadores e em residências, entre elas a casa do presidente do Legislativo. de onde levaram malotes de documentos.

De acordo com site Siliganews, os vereadores são suspeitos de peculato, falsidade ideológica, falso testemunho e associação criminosa. Entre as denúncias contra os parlamentares está ocupação de dupla função pública, por acumularem cargos na Prefeitura de Jateí enquanto exercem mandato de vereador. 

A operação é conduzida pelo promotor Marcos Roberto Dietz.