27 de janeiro de 2022
Campo Grande 30º 22º

HIATO DE 9 ANOS

Paulo Duarte de volta ao jogo: "Saí pai, voltei avô"

Agora deputado, Duarte sentou-se ao lado de Riedel

A- A+

Ex-prefeito de Corumbá, Paulo Duarte (MDB) tomou posse nesta sexta (3.dez.21) como deputado estadual com discurso de agradecimento. Ele volta à Assembleia Legislativa de MS (ALEMS) após um hiato de 9 anos longe de um cargo público. 

Duarte retorna, porque era suplente de Eduardo Rocha (MDB), que nesta sexta-feira assumiu a Secretaria de Governo e Gestão Estratégica, deixando a cadeira na ALEMS. 

“Chego mais experiente. Saí pai, voltei avô”, brincou Duarte disse que é bom retornar ao Parlamento, lugar em que protagonizou inúmeros debates, quando esteve no partido de oposição. “Somos de uma época em que debate não significava ser inimigo, como é hoje em dia, infelizmente. Aqui aprendi muito e manterei sempre a relação de respeito com todos”, ponderou.

O presidente da ALEMS, deputado Paulo Corrêa (PSDB) deu posse ao novo deputado em cerimônia no Plenário Júlio Maia. “Vossa excelência tem o respeito dessa Casa e digo que vamos trabalhar juntos. Desejo toda a sorte. Vai tocar seu mandato com maestria, porque sei que você é muito competente. Conte conosco e a estrutura da Casa de Leis está à sua disposição”, ressaltou. Igualmente, o primeiro secretário da ALEMS, deputado Zé Teixeira (DEM), deu boas-vindas. “Seja bem-vindo meu amigo, sempre tivemos uma relação fantástica de consideração. Pessoa aguerrida, boa sorte nesse período”, desejou.

Na cerimônia estavam presentes inúmeras autoridades, senadores, deputados federais, estaduais, prefeitos e vereadores. Dentre eles, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), que também usou a tribuna. “Fui deputado aqui nesta Casa em 2006, com mandato junto com o Paulo Duarte e posso dizer que ele é um homem de caráter, íntegro. Fomos de partidos opositores, tivemos inúmeros debates, mas nunca de cunha pessoal como ele bem lembrou, sempre em prol da sociedade. Sei que ele será alguém que vem para contribuir com as políticas públicas. Chega na hora em que estamos enviando inúmeros projetos para o benefício da população”, disse o governador.

Da mesma maneira, Eduardo Rocha desejou um bom mandato. “Aqui na Assembleia somos grandes amigos e acima de tudo trabalhamos todos em prol do Estado. Quero desejar muita sorte, que você trilhe um bom caminho para ajudar o povo sul-mato-grossense”, discursou Rocha, que tomou posse ao novo cargo em cerimônia ainda na manhã desta sexta, na Governadoria.

Duarte e Rocha, ambos do MDB, devem apoiar o secretário Eduardo Riedel na corrida pelo governo de Mato Grosso do Sul. Apesar de André Puccinelli, que foi hoje à Assembleia Legislativa, ser o pré-candidato a governador pelo MDB.

Paulo Duarte sentou-se ao lado de Riedel. Enquanto Puccinelli acompanhou a cerimônia ao lado de Eduardo Rocha. 

Duarte ingresou na política em 1999 como superintendente de Administração Tributária. Depois ocupou os cargos de secretário de Fazenda, chefe da Casa Civil e secretário de Infraestrutura e Habitação durante a gestão do Zeca do PT.

Em 2006, foi eleito deputado estadual e ocupou o cargo por dois mandatos, antes de ser eleito prefeito de Corumbá em 2012. Ele é economista e auditor fiscal aposentado.