29 de setembro de 2020
Campo Grande 37º 20º

Pedra deixou presidência do PDT de Campo Grande para ajudar Delcídio

O vereador Paulo Pedra (PDT) admitiu nesta manhã que saiu da presidência do diretório municipal do PDT (Partido Democrático Trabalhista) para apoiar o pré-candidato ao governo, senador Delcídio do Amaral (PT). Segundo ele, a decisão foi feita em conjunto com o presidente do diretório estadual, João Leite Schimidt.

“Fizemos um acordo e estamos cumprindo o que foi conversado no início de janeiro. Ele (Schimidt) disse ‘tudo bem liberar você para a campanha, mas o que você acha de dar espaço para a base do PDT? ’ Foi uma decisão de comum acordo”, declarou.

De acordo com o vereador, o líder comunitário Wilson Fernandes de Oliveira assumiu a presidência municipal do partido para “aproximar as bases do PDT”, mas ressalta que a medida só vale até março quando o partido faz novas eleições para os diretórios. Pedra não confirmou, mas também não descarta a possibilidade de concorrer à presidência do partido novamente em março.

Questionado se teria liberdade para continuar apoiando o senador Delcídio do Amaral mesmo que o PDT lance candidato próprio ao governo do Estado ou faça aliança com algum partido de oposição ao PT, como o PMDB e o PSDB, Paulo Pedra respondeu que pode defender Delcídio “até as convenções”.

Diana Christie