28 de setembro de 2020
Campo Grande 34º 24º

PT nacional reafirma autonomia do Estado para definir alianças partidárias

</div>
<div></div>
<div></div>
<div>Duarte se reuniu com Rui Falcão para discutir o que mais tem afligido a militância petistas do Estado, a possibilidade de a executiva nacional do partido obrigar o PT sul-mato-grossense a formar uma aliança com o PMD
Duarte se reuniu com Rui Falcão para discutir o que mais tem afligido a militância petistas do Estado, a possibilidade de a executiva nacional do partido obrigar o PT sul-mato-grossense a formar uma aliança com o PMD - Foto:
O encontro entre o presidente do diretório estadual do PT de Mato Grosso do Sul, Paulo Duarte, prefeito de Corumbá, e o presidente nacional do partido, Ruy Falcão, terminou há menos de uma horam e São Paulo.
paulo duarte
Duarte se reuniu com Rui Falcão para discutir o que mais tem afligido a militância petistas do Estado, a possibilidade de a executiva nacional do partido obrigar o PT sul-mato-grossense a formar uma aliança com o PMDB, que já tem seu pré-candidato ao governo do Estado definido, o ex-prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho. De acordo com a assessoria de imprensa do PT-MS, Ruy Falcão selou compromisso com paulo Duarte e garantiu a ele que o PT no estado terá total autonomia para definir alianças partidárias.
Segundo a nota, "Rui Falcão, afirmou categoricamente ao Presidente do PT em Mato Grosso do Sul, Paulo Duarte, que não haverá imposições de alianças em Mato Grosso do Sul, e que os diálogos devem continuar na mesma linha já adotada pela Executiva Regional." Ainda conforme a nota divulgada pelo diretório do PT no Estado, a decisão foi tomada diante da apresentação do quadro político estadual feita por paulo Duarte a Ruy Falcão, que também recebeu do Paulo Duarte, pesquisas encomendadas pelo PT que mostram a vantagem do senador Delcídio do Amaral sobre o rival Nelson Trad Filho, o que reafirma a tese petistas de que uma aliança com PMDB poderia mais prejudicar do que ajudar na eleição de Delcídio como governador do Estado.
"Continuaremos as nossas conversas com a Executiva nacional, sempre sintonizados para a reeleição da Presidente Dilma e ainda, para reforçar a candidatura do Senador Delcídio ao Governo de Mato Grosso do Sul", finaliza Paulo Duarte. O presidente estadual do PT também declarou que o partido tem dialogado com várias legendas no Estado em busca da composição de alianças.  "Temos adotado o diálogo com todos os partidos e essas conversas estão sintonizadas com a linha partidária do PT e também com os anseios da população. Vamos continuar nessa mesma linha de atuação e agora com apoio irrestrito da Executiva Nacional", afirma o presidente do PT-MS, Paulo Duarte.
Heloísa Lazarini