19 de junho de 2021
Campo Grande 27º 14º

Puccinelli rebate Azambuja e garante ter deixado R$ 300 milhões em caixa

A- A+

Mais uma vez, o ex-governador André Puccinelli (PMDB) voltou a questionar a veracidade dos números apresentados pelo atual governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sobre a condição financeira do Estado.

"Ele escreveu isso? Se ele escreveu, eu vou contestar, mas se não, vou esperar até julho para me manifestar", disse André.

Segundo Puccinelli, qualquer número que Azambuja possa vir a apresentar terá de ser analisado porque todas as contas de sua gestão foram apresentadas no dia 30 de janeiro deste ano no Relatório Estadual de Gestão Fiscal, publicado no diário oficial do Estado, o que ele considera ser até o momento o único relatório oficial. 

"Está tudo lá publicado. Inclusive, o relatório mostra uma realidade bem diferente do que ele diz. Lá está escrito: disponibilidade líquida de caixa de R$ 300 milhões", afirma André.

Desde que assumiu o governo, Azambuja tem apresentado à imprensa números diferentes dos de Puccinelli. Segundo a atual administração, existe uma dívida com obras inacabadas de pelo R$ 166 milhões assim como contratos não pagos e empenhos cancelados.