21 de outubro de 2020
Campo Grande 29º 21º

CORONAVÍRUS

Senador vê consenso para repatriação de brasileiros que estão na China

O projeto de lei, que prevê as medidas sanitárias de emergência, será votado hoje no Senado

O senador Nelsinho Trad anunciou nesta manhã que haverá o consenso no Senado para aprovação do Projeto de Lei (PL23/2020), que prevê regras para quarentena e medidas de enfrentamento do coronavírus. O texto foi enviado pelo governo federal ao Congresso ontem e aprovado ainda na noite do mesmo dia pelos deputados federais e foi encaminhado hoje para os senadores. “Todos são a favor do projeto, para permitir a vinda de 29 brasileiros (até o momento) da cidade chinesa de Wuhan, epicentro do surto de coronavírus. Vamos fazer com que essa repatriação seja feita no país de forma regulamentada”, comentou o senador Nelsinho Trad. 

Para o parlamentar sul-mato-grossense, que é médico, esse assunto é de interesse da sociedade e não pauta de disputa política. “Não tem posição ou oposição; É uma questão que toda população precisa ser informada”, declarou o senador Nelsinho Trad. 

De acordo com o Senado, o presidente da Casa, Davi Alcolumbre já determinou a votação em regime de urgência. A proposta estabelece medidas como a quarentena para pessoas com suspeita de terem contraído o vírus. O senador Nelsinho Trad esclareceu sobre os procedimentos a serem adotados pela Saúde, entre eles o isolamento e tratamento. “O coronavírus é um primo da gripe, os cuidados são os mesmos e a prevenção também de uma gripe”, comentou o senador.
Segundo o senador, o verão será favorável para impedir casos do coronavírus no Brasil. “Para nossa sorte, estamos na estação mais quente, o vírus costuma se proliferar mais no frio”.  

MÁSCARA

Presidente da Comissãode Relações Exteriores e Defesa Nacional, o senador Nelsinho Trad informou que já tem viagens programadas pelo Senado para serem cumpridas com o Mercosul em outros países. Nessas agendas, ele divulgou que vai utilizar a máscara de proteção por segurança própria e em respeito ao próximo. “No Japão, é comum o cidadão usar a máscara para evitar o contágio de vírus e, também, para impedir a proliferação aos outros, é a preocupação com o próximo”, destacou o senador. 

O coronavírus, epidemia que já matou centenas de pessoas na China e já chegou a mais de 20 países. Para o senador Nelsinho Trad, o Ministério da Saúde atuou com agilidade para proteger o Brasil. “Nesse momento, a gente tem que parabenizar o Ministério da Saúde que tomou as medidas necessárias – orientadas pela Organização Mundial da Saúde - para fazer o enfrentamento do coronavírus”, disse o senador Nelsinho Trad. (Com assessoria).