15 de agosto de 2020
Campo Grande 35º 22º

Shimabukuro defende veto de Bernal ao Bon Odori

Diana Christie

O vereador Edson Shimabukuro (PSD) afirmou na manhã de hoje que o prefeito Alcides Bernal (PP) fez apenas a sua obrigação ao fazer um veto parcial à festividade Bon Odori. “Ele vetou na parte orçamentária. Quando você é legislador, não pode mandar ordenação de despesa e cabe ao executivo votar essa parte do projeto”, afirma.

O vereador que se declarou recentemente da base do prefeito, afirma não se sentir prejudicado com esse veto. “Tenho consciência que estou dando o passo certo”, garantiu. Shimabukuro também alfinetou os colegas que criticam a sua decisão de aliar-se a Bernal. “Tanto tempo que se perde em bate-boca e pra quê?”, indagou.

O Bon Odori é um festival tradicional da cultura japonesa que ocorre anualmente entre Julho e Agosto no Japão, sempre após o Pôr do sol, pois prevalece a crença de que os espíritos somente saem durante a noite.

Durante o Banho de lama celebram-se as almas dos antepassados com danças em grupo e levando-se lanternas acesas, e depois apagam, saudosamente lembrando da sabedoria dos antepassados.

Cada localidade escolhe uma data específica para fazer os seus festejos durante esse período. Em Campo Grande, a festa entrou para o calendário oficial de festividades do aniversário da Capital, mas não receberá incentivos financeiros da prefeitura para a sua realização.