01 de outubro de 2020
Campo Grande 41º 24º

Autoescola

Dono de autoescola que matou trabalhador se apresenta e é liberado pela polícia

Acompanhado de um advogado, Ivan alegou legítima defesa

Suspeito de matar Paulo Romualdo a facadas, o dono de autoescola Ivan de Souza se apresentou para a polícia por volta das 9h30 desta segunda-feira (2), na Primeira Delegacia de Aquidauana.

O crime ocorreu na última sexta-feira (28). Segundo a polícia, a vítima teria ido à empresa do suspeito cobrar uma dívida trabalhista referente ao tempo em que sua irmã trabalhou no local e levou duas facadas. Paulo chegou a dirigir em busca de socorro, mas bateu o carro em uma árvore e morreu.

Acompanhado de um advogado, Ivan alegou legítima defesa. Em depoimento, ele disse que a vítima chegou à sua empresa partindo para agressões físicas, momento em que sacou uma faca e desferiu um golpe na região do abdômen de Paulo.

Com a apresentação somente dias após o fato, em situação que a lei não considera flagrante, Ivan foi indiciado por homicídio doloso em inquérito policial e foi liberado para responder o processo em casa.