27 de setembro de 2020
Campo Grande 39º 25º

Corumbá

Mulher foi mantida um ano em cárcere privado pelo marido em Corumbá

Ela conseguiu escapar após mandar uma mensagem escondida

Uma mulher, de 33 anos, sofria agressões e era mantida em cárcere pelo marido a pelo menos um ano, segundo a polícia. O marido, de 46 anos, foi preso neste domingo (24), após a vítima conseguir mandar mensagem de voz para a filha, que acionou a polícia.

De acordo com informações do site Diário Corumbaense, depois de ser acionada, a polícia foi até a residência onde morava o casal no bairro Nova Corumbá. Chegando no local, a guarnição foi recebida pelo agressor, que estava com uma criança no colo e apresentou resistência aos policiais que pediram para entrar na casa.     

Depois de muita insistência, o homem que apresentava sinais de embriaguez, permitiu que os policiais verificassem a denúncia. Ao ver a equipe da Força Tática a vítima disse que no domingo por volta de 18h os dois iniciaram uma discussão por ciúmes e o homem bateu em seu rosto com um celular e ainda a derrubou no chão e a puxou pelos cabelos.

A vítima disse que as agressões ocorrem há pelo menos um ano e que tem medo de ser morta pelo acusado. No momento em que percebeu a presença da PM, o homem disse à ela que caso fosse preso, depois que saísse, ela "iria parar em um caixão".

O indivíduo foi detido e levado para a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Corumbá.