23 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 20º

CORONAVÍRUS

Polícia investiga lar de idosos em que morreram 190 internos

Conhecido como lar de "massacre"

O lar de idosos Pio Albergo Trivulzio, em Milão, vai ser investigado pelas autoridades italianas depois de ter sido confirmada a morte de pelo menos 190 idosos moradores do lar.

A imprensa italiana chamou o ocorrido no lar de "massacre", explicando que os responsáveis pelo estabelecimento teriam ignorado a dimensão sanitária da doença.

A direção do lar afirmou, segundo a imprensa, que não teve acesso a testes suficientes para realizar 'despistes' em todos os mil idosos, razão pela qual o número de infecções acabou por subindo.

De acordo com o La Reppublica, a determinada altura, trabalhadores das instalações teriam levado máscara da instituição para as doarem "a quem delas precisava".

Attilio Fontana, governador da Lombardia, criou uma comissão que investigará todo o caso, apurando se houve responsabilidades do lar na gestão de toda esta tragédia.

Fonte: Notícias ao Minuto