28 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 22º

ARTE | CULTURA

Após Funesp apagar arte, Sectur corrige erro e entrega novo grafite de Marilena Grolli

Artista diz que até hoje não se sabe quem deu a canetada para que a obra fosse coberta

A- A+

Um grafite no muro do Centro Olímpico Vila Nasser está sendo revitalizado e será entregue pela Prefeitura à população na próxima segunda-feira (15.mar.21), às 9 horas. O muro recebe a arte da grafiteira Marilena Grolli, que já havia grafitado no local em 2016, mas em setembro de 2019 a Fundação Municipal do Esporte (Funesp) cobriu a arte da grafiteira alegando “desgaste sofrido pela ação do tempo e pichações”. A população não aprovou.     

Marillena, na época que a obra foi apagada, estava na décima edição do festival Board Dripper, realizado em setembro de 2019 na cidade de Querétaro, México. A artista sul-mato-grossense era uma das duas brasileiras que representavam o país no festival. "Eu fiquei chocada pois, estava apenas eu e uma paulista, num dos principais festivais no mundo, representando Brasil e me ocorre isso no mesmo tempo, eu não queria acreditar, só podia ter sido um erro, eles disseram que foi falta de conhecimento da pessoa que apagou, e talvez tenha sido mesmo", opinou.  

Conforme a artista, ela ficou sabendo da atitude da Funesp pela imprensa, e recebeu ligação do então Diretor Presidente da Fundação Municipal de Esportes, Rodrigo Barbosa Terra, que após o caso ganhar repercussão na imprensa tentou mediar. “Eles só me ligaram após a grande repercussão que o caso teve. O Rodrigo Terra me pediu no telefone para que ele pudesse dizer à imprensa que a obra seria refeita, eu autorizei. Mas depois o caso foi abafado e só agora, o Max, um cara que admiro, decidiu corrigir o erro por meio da Sectur, que nem tinha responsabilidade, vendo isso a Funesp entrou, já que o Centro Olímpico é de responsabilidade deles”, comentou Grolli. 

Artista publicou repost do festival em 2019. Foto: Redes sociais.  Artista publicou repost do festival em 2019. Foto: Redes sociais. Foto: Reprodução 

Moradora do Nasse há mais de 20 anos, a artistas explicou que a nova obra é uma prestação de contas à população. “Estamos fazendo para a população, com todo carinho, já que é com intuito de prestigiar eles”, destacou.   

Muru tinha esses grafites de Marilena antes de ser coberto Eram esses os grafites de Marilena antes de serem cobertos no muro. Foto: Grafites de Marilena Grolli 

O muro está localizado na rua São Manoel. Em material à imprensa nessa manhã, a assessoria da Sectur que classificou como um “erro” a situação de terem coberto o grafite muro, mas não citou quem teria cometido tal erro. “Pintado por volta do ano de 2016 pela própria grafiteira, por meio de um projeto social que promovia a arte urbana pela cidade. Um erro ocorreu e, no ano de 2019, o desenho foi apagado. Para reverter essa situação e apoiar a cultura, a Prefeitura convidou a artista para, novamente, deixar sua obra marcada no espaço”, constou o material da Sectur. 

Marilena Grolli celebra final do grafite em 2016. Marilena Grolli celebra final do grafite em 2016. Foto: Divulgação 

Grolli revelou ao MS Notícias que ainda não se sabe quem teria autorizado que a obra fosse coberta, justo em um momento que ela representava o Brasil no exterior. “Na época foi tão negativo que queriam exonerar o cara do Centro Olímpico, mas a verdade é que até hoje não se sabe quem deu a canetada para que cobrissem”, explicou.   

O secretário Max Freitas disse ser muito importante apoiar a arte em todos os seus formatos. “Considero que o colorido do grafite torna a nossa Campo Grande ainda mais bonita. E Marilena tem um histórico de valorização da cidade e enquanto Prefeitura poder valorizar o trabalho dela é um grande presente”, comentou.

A artista disse que a nova obra mescla desenhos de animais com esporte e que visa, trazer à cura ao local. “Cura de corpo e alma, vamos praticar. Sou grata ao convite e não estou magoada, vamos fazer agora nos próximos três dias e entregar a arte à população”, finalizou.

A cerimônia de entrega do grafite será apenas para convidados e respeita todas as normas de biossegurança.