11 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

Após prisão de Delcídio, Governo vai anunciar novo líder no Senado na próxima semana

Leia também

• Zeca diz que prisão de Delcídio é perseguição política e cobra investigações ao PSDB

• Ouça gravação completa da conversa em que Delcídio fala de “rota de fuga” de Cerveró pelo Paraguai

• Delcídio não escapa de protestos nas redes sociais e população lamenta “MS está de luto”

Com prisão do senador Delcídio do Amaral (PT), líder do governo no Senado, a Secretaria de Governo da Presidência da República divulgou nota, nesta quarta-feira (25), informando que nome do líder no Senado será escolhido apenas na próxima semana. Até lá, os quatro vice-líderes responderão pelo cargo. 

Também nesta quarta, o líder do Partido dos Trabalhadores no Senado, Humberto Costa (PT-PE), reforçou que não há qualquer participação do governo federal em atos ilícitos. Ele se referiu à questão ao comentar os desdobramentos da Operação Lava Jato, que envolveram o líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral que é suspeito de tentar atrapalhar investigação da Lava Jato e oferecer condições de fuga a Nestor Cerveró para impedir que ex-diretor da Petrobras citasse o senador em delação premiada.  “É importante registrar, em nada do que foi dito até agora, há qualquer tipo de envolvimento ou participação do governo”, disse.

Além disso, Humberto defendeu que o ocorrido não “contamine” a atividade legislativa do Congresso Nacional. Ele também explicou que ainda não há definição sobre o novo nome do líder do governo no Senado.

“Nós entendemos que esse fato, por mais grave que seja, não deve contaminar a atividade legislativa do Congresso brasileiro porque nós temos temas gravíssimos da importância e do interesse do País – e devemos fazer com que eles continuem andando”, explicou o líder.

Leia a nota, na íntegra:

“Em razão dos fatos que tomamos conhecimento no dia de hoje em relação ao líder do Governo no Senado, Senador Delcídio Amaral, informamos que será escolhido novo líder na próxima semana, respondendo interinamente, nesta semana, os vice-líderes do governo naquela Casa.

Secretaria de Governo da Presidência da República”