01 de julho de 2022
Campo Grande 30º 19º

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro usará 'marchas para jesus' como palanque eleitoral

Evento de amanhã deve servir como palanque também para aliados do mandatário

A- A+

Jair Bolsonaro (PL) deverá usar o nome de Jesus em favor de sua reeleição em 2022. O político deve ir aos atos evangélicos que acontecem no final desse mês de maio para fazer "auto-promoção", já que ainda não pode pedir votos.  

Pastores evangélicos já anunciam a presença do mandatário em ao menos três encontros – o primeiro deles ocorrerá neste sábado (21.mai) na Marcha para Jesus em Curitiba (PR), a partir das 7h. 

O mandatário também deve ir a encontros semelhantes no dia 28 de maio em Manaus (AM) e em 18 de junho deve ir encontrar evangélicos em Cuiabá (MT). 

Bolsonaro está à frente de Lula (PT) apenas entre o público evangélico, portanto, deve voltar a se aproximar desse grupo, que o apoiou em 2018. 

Numa mobilização ao longo desse ano, Bolsonaro e a primeira-dama, Michelle, receberam pastores e influenciadores digitais evangélicos no Palácio da Alvorada para assuntos não divulgados. 

O evento de amanhã deve servir como palanque também para aliados de Bolsonaro. O líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (Progressistas-PR), que tem base em Maringá (PR) e tenta a reeleição, deve comparecer. Além dele, os deputados Filipe Barros (PL-PR), pré-candidato ao governo do Estado, e Paulo Martins (PL-PR), pré-candidato a uma vaga no Senado, também devem ir.