14 de abril de 2021
Campo Grande 33º 19º

Eleições

Candidatura de ex atrapalha projeto de reeleição em Jaraguari

A reeleição do prefeito Vaguinho Vilela (PDT), em Jaraguari, era vista como um projeto de fácil concretização, diante da previsão de que concorreria como franco favorito contra adversários teoricamente menos competitivos. Porém, essa facilidade sofreu um abalo com a convenção do PT que confirmou a candidatura do ex-prefeito João Baird, em princípio aquele que teria melhores condições de enfrentar Vilela e a máquina do Executivo.

Baird escolheu para vice em sua chapa uma das lideranças expressivas da região, o professor e agricultor familiar Ionedes Moreira (PHS), que em 2012 disputou com Vilela e ficou em segundo lugar, com 1.883 votos, contra 2.616 do prefeito eleito. Baird – que foi prefeito de 2005 a 2008 – trocou o PT pelo PSDB em 2007 e retornou aos quadros petistas no ano passado.

Os adversários tentaram bloquear seus direitos políticos acusando-o de ter-se filiado extemporaneamente. Mas ele conseguiu provar que havia dado entrada com a documentação partidária dentro do prazo regular previsto em lei e conservou o direito de votar e ser votado. Habilitado junto à Justiça Eleitoral, a candidatura de Baird foi homologada durante a convenção municipal que levou 80 pessoas à Câmara Municipal na terça-feira, 2.

Além do PT e PHS, outros dois partidos (PP e PV) fazem parte do bloco de alianças, que tem dez candidatos à Câmara, sendo sete homens e três mulheres. Com 62 anos de fundação, a 44 km de Campo Grande, o município de Jaraguari tem aproximadamente 6,5 mil habitantes e 4,9 mil eleitores.