16 de maio de 2022
Campo Grande 21º 13º

3ª GUERRA MUNDIAL

Finlândia adere à Otan e Rússia iniciará 3ª Guerra Mundial

"Nós iremos retaliar", diz Rússia, anunciando retirada de reconhecimentos de territórios

A- A+

A Finlândia deve solicitar urgentemente a adesão à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), pois isso fortalecerá sua segurança. Isto é afirmado em uma declaração conjunta do presidente finlandês Sauli Niiniste e do primeiro-ministro Sanni Marin feita nesta quinta-feira (12.mai.22). 

"A adesão à OTAN fortaleceria a segurança da Finlândia. Como membro da Otan, a Finlândia fortaleceria toda a aliança de defesa. A Finlândia deve solicitar a adesão à Otan com urgência. Esperamos que as medidas nacionais ainda necessárias para chegar a esta solução sejam tomadas rapidamente nos próximos dias", disse o presidente finlandês em carta.  

Vale lembrar que nesta quinta-feira (12.mai) também fazem 78 dias que a Rússia invadiu o território ucraniano após o país vizinho iniciar as tratativas para entrar para a Otan, que é uma aliança militar comandada pelos Estados Unidos (EUA).

Ontem o Ministério da Defesa da Ucrânia anunciouque seu exército derrubou helicóptero russo Mi-24. Todos os dias milhares de pessoas fogem da Ucrânia, que desde então, virou um campo de batalhas e confrontos.

A declaração de apoio à Otan do presidente e da primeira-ministra ganhou apoio público de 80% em algumas pesquisas no país. Isso porque, os países nanicos não querem ser massacrados pela robusta artilharia russa.  

Uma vez que o parlamento tenha aprovado a ideia em princípio e quaisquer outros obstáculos legislativos domésticos tenham sido superados, espera-se que a Otan convide a Finlândia a negociar sua adesão.

Nas redes sociais, o presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky informou que conversou com o presidente finlandês e “elogiou a prontidão da Finlândia para integrar à Otan”. “Também discutimos a integração europeia da Ucrânia, e a interação de defesa entre Finlândia e Ucrânia”, afirmou Zelensky.

A Rússia já vinha ameaçando a Finlândia e a Suécia por não querer que os países entrem para a Otan. Os russos disseram que  isso poderia ter consequências negativas, incluindo instabilidade no norte da Europa. 

"Não está claro por que nossos vizinhos finlandeses e suecos na região do Báltico estão se tornando uma nova fronteira para o confronto do bloco da Otan com a Rússia. As consequências negativas para a paz e a estabilidade no norte da Europa são óbvias ”, ameaçou o Ministério das Relações Exteriores da Rússia Maria Zakharova. A íntegra.  

O pedido de adesão da Finlândia à Otan deverá ser anunciado oficialmente no domingo.