25 de novembro de 2020
Campo Grande 34º 23º

"Não adianta dar uma receita na mão de Bernal" diz presidente do PT

Clayton Neves e Alan Diógenes

O presidente do diretório estadual do PT, Marcus Garcia, afirmou na tarde de hoje durante reunião realizada entre os integrantes do partido e o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) que o líder do executivo precisa priorizar e exercitar a prática do diálogo. “Não adianta trazer uma receita e dar na mão do Bernal, é preciso dialogar”, disse.

Segundo Marcus a reunião com Bernal irá priorizar quatro pontos fundamentais. “Iremos discutir a base para um conselho político forte, um governo de coalisão, uma base de sustentação que envolva todos os partidos e estabelecer um articulador político”, relata.

Para o presidente é necessário designar um nome forte e capaz de melhorar o diálogo entre o prefeito e os vereadores. “Hoje surgirão vários nomes, caberá ao Bernal decidir quem o representará melhor dentro da Câmara de vereadores”, lembra.

Durante sua fala Marcus lembrou do episódio da posse das secretárias municipais, que de acordo com informações seria uma das exigências do partido para continuar apoiando a gestão de Bernal. “O PT não está pedindo nenhum cargo, essa reunião é para decidir o futuro da administração da Capital”, conclui.