20 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 21º

Vereadora ameniza apoio de prefeito de PPS a Delcídio e afirma que situação foi mal interpretada

A vereadora Luiza Ribeiro (PPS) acredita que as declarações do prefeito de Ponta Porã Ludimar Novaes (PPS), sobre o apoio ao pré-candidato a governo do Estado, Delcídio do Amaral (PT), foram mal interpretadas e lembrou ainda que, a aliança entre PPS e PSDB, do também, pré-candidato Reinaldo Azambuja, está cada vez mais fortalecida, onde o partido reforça a intenção de participar da chapa majoritária, nas vagas de vice-governador e senador. O PPS, conforme explicou a vereadora, realizou ontem uma reunião com a executiva estadual, onde foi reforçada essa participação. “Ontem na reunião, reforçamos a intenção de participar da chapa majoritária. O nome do advogado do PPS, Carmelino Rezendo e o meu foram citados para essas vagas”, afirmou. Quanto à "má interpretação" feita em relação as afirmações de Ludimar, Luiza explicou que em Ponta Porã, a chapa de Ludimar é formada pelo PPS e pela vice Sônia Cintas, do Partido dos Trabalhadores, por isso sua vontade em que ambas siglas se unam “Na verdade, ele falou que, na opinião dele o PPS deveria apoiar o Delcídio, ele não decidiu se vai ou não apoiar”. A vereadora lembrou também que na última eleição o principal adversário do atual prefeito foi o PSDB. Somente na convenção serão definidas as alianças, se o partido caminha ou não ao lado dos tucanos, e será neste momento que os nomes de Carmelino e de Luiza serão aceitos ou não nas vagas da majoritária da chapa de Reinaldo Azambuja. A convenção do PPS poderá acontecer entre os dias 20 e 30 de junho. Tayná Biazus