15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Renúncia de Alceu Bueno deve ser apresentada hoje, para evitar exposição

Para evitar superexposição na mídia, Alceu Bueno, atendendo conselhos, deve enviar pedido de renúncia já nesta segunda-feira.

A- A+

Não há muito o que fazer pela imagem pessoal e de homem público do vereador Alceu Bueno, presidente do PSL em Mato Grosso do Sul e que se intitula missionário da Igreja Mundial do Poder de Deus. No pouco tempo em que ocupou a vereança, e depois de diversas polêmicas e denúncias, contornadas pelo corporativismo tanto da Câmara quanto da comunidade evangélica, Alceu deixou as páginas políticas para ser manchete nas editorias policiais, envolvido em escândalo de abuso sexual contra menores.

No final da tarde de quinta-feira (23) a Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campo Grande formalizou pedido de cópia integral do inquérito policial que investiga o esquema de exploração sexual de adolescente que envolve o vereador José Alceu Padilha Bueno.

Em ofício entregue em mãos ao delegado Paulo Sergio de Souza Lauretto, titular da DPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), o presidente da Casa, Mario Cesar (PMDB), solicitou a documentação para “instruir procedimento de possível quebra de decoro parlamentar”.

“Penso que a Mesa Diretora deve ter em mãos todos os documentos, tudo que este inquérito está apurando. Temos que ter celeridade para dar uma resposta à altura que o caso merece e a sociedade espera”, disse Mario.

Exposição e renúncia

Segundo rumores, Alceu foi convencido por políticos e advogados a apresentar sua renúncia antes que a Câmara instaure a Comissão Processante para evitar uma superexposição na mídia e um desgaste ainda maior a sua imagem, evitando repetir o que já aconteceu com os ex-vereadores Robson Martins e César Disney.

Quando do início das extorsões praticadas contra Alceu, pelo empresário Luciano Roberto Pageu, segundo a família de Robson Martins, sabendo que era investigado pela polícia teria contratado Robson como advogado, uma vez que este já havia enfrentado problema semelhante.

Suplente

A cadeira de Alceu Bueno, que obteve 4.089 votos, seria assumida por Betinho (Roberto Santana dos Santos) do PRB, que conquistou 2.400 votos nas eleições de 2012, também pela coligação Mais Trabalho por Grande Grande – III, mas que se transferiu para o PTN. Deverá haver uma discussão judicial a respeito, mas com a mudança de partido, Betinho deverá perder a vaga para Baiano Protético (Isaias Martins dos Santos), do PRP, que obteve 1.962 votos.