05 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 16º
RESPEITO À VIDA RAMAL ASSEMBLEIA

Produtores rurais protestam em frente à Funai e pedem paz no campo

A manifestação dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul em frente à sede da Funai (Fundação Nacional do Índio)já dura quase duas horas e deve se estender até às 14h. 0   Segundo os manifestantes, o protesto é para pedir paz no campo e sensibilizar a sociedade a respeito dos conflitos entre produtores e índios. De acordo com Gino Ferreira, produtor rural de Dourados – distante 184 km de Campo Grande - um dos organizadores da manifestação, cerca de 300 proprietários rurais estão no local e esperam pressionar o governo federal para pôr fim aos conflitos e solucionar o problema da demarcação de terras no Estado. “Eu não sou contra os índios e sinceramente, não existe um conflito, o que existe é a Funai incentivando os índios a invadir nossas terras, e isso preocupa toda sociedade”, afirma Gino. Para os produtores, a maior dificuldade a ser vencida é demarcação das terras em si, pois, segundo eles, os critérios utilizados pela Funai não condizem com a realidade dos investimentos feitos por eles. Lúcia Américo, de Iguatemi, conta que aderiu à manifestação por solidariedade aos produtores. “Eu não tenho fazenda invadida, mas tenho medo devido à violência que tem crescido no campo, por isso resolvi participar”, desabafa. Heloísa Lazarini e Anna Gomes