16 de agosto de 2022
Campo Grande 33º 23º

EX-GOVERNADOR

Vídeo: governo Zeca investiu R$ 2,7 bilhões na segurança pública

'Foi um divisor de águas', atesta servidor aposentado

A segurança pública foi uma das principais prioridades do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Entre 2003 e 2009, os investimentos em segurança pública dobraram no Brasil. Zeca do PT, governou Mato Grosso do Sul de 1º de janeiro de 1999 a 1º de janeiro de 2007, pegando portanto a gestão aliada a Lula e foi justamente nesse período, que segundo Zeca, o estado de Mato Grosso do Sul recebeu investimentos de R$ 2,7 bilhões em segurança pública. 

Num vídeo na internet o ex-governador — em 2022, pré-candidato a deputado estadual — detalha o feito: "Ao final de 8 anos, nós entregamos o estado, na segurança pública, com um dos melhores salários do Brasil. Nós dotamos a Polícia Militar, a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiro, a Polícia Ambiental, a DOF. Com estrutura, armamento, viatura, fardamento, equipamento, o que permitiu dar dignidade a esse setor fundamental. O que permitiu dar paz e mais segurança ao nosso povo", disse. Veja o vídeo no topo. 

Com grande capital político em MS, o ex-governador eleito em 1998 e reeleito em 2002, murtinhense José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT, deve retornar à Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, provavelmente com uma votação histórica.

Nos meios políticos, correm resultados de sondagens eleitorais que dão a Zeca do PT uma eleição mais do que tranquila e importante para o PT. Com a mega votação que deverá obter no pleito de 2 de outubro vindouro.

O ex-governador, que começou sua carreira pela Assembleia Legislativa em 1990, quando foi eleito como primeiro e único deputado estadual do PT, já é detentor de duas marcas históricas: é o vereador mais votado da história da Câmara Municipal de Campo Grande e o deputado federal sul-mato-grossense mais votado da história de Mato Grosso do Sul, além de ser o único político a ter sido eleito sem a necessidade da soma dos votos dos demais candidatos e dos votos de legenda.

Para a Câmara Municipal de Campo Grande, em 2012, Zeca do PT obteve 13.010, marca que dificilmente será atingida por outro candidato nas próximas eleições. Já para a Câmara Federal, em 2014, obteve 160.556, total que ultrapassou o coeficiente eleitoral daquele ano que ficou na casa dos 150 mil votos.

Amigo pessoal do ex-presidente Lula, que lidera todas as pesquisas para o Palácio do Planalto, Zeca do PT esteve propenso a se retirar da vida pública e apenas apoiar companheiros de partido. Porém, foi convocado pelo Diretório Nacional e por seus companheiros de Mato Grosso do Sul a integrar a chapa proporcional, como postulante a uma das 24 cadeiras da Assembleia Legislativa e assim dar suporte à candidatura a governadora de Giselle Marques (PT).

SIGA MS NOTÍCIAS
Horóscopo de terça-feira 16 de agosto de 2022
HORÓSCOPO
há 1 hora

Horóscopo de terça-feira 16 de agosto de 2022

Ex-ibope crava Lula com 44% dos votos no 1º turno das eleições 2022
ELEIÇÕES 2022
há 9 horas

Ex-ibope crava Lula com 44% dos votos no 1º turno das eleições 2022

Feliciano tenta manipular evangélicos, mas Lula que instituiu a Marcha para Jesus
ELEIÇÕES 2022
há 10 horas

Feliciano tenta manipular evangélicos, mas Lula que instituiu a Marcha para Jesus

Bolsonaro defendeu deputado mandante de chacina (vídeo)
ELEIÇÕES 2022
há 11 horas

Bolsonaro defendeu deputado mandante de chacina (vídeo)

Tapera de Juma pertenceu a uma das fazendas de Almir Sater
NOVELA PANTANAL
há 12 horas

Tapera de Juma pertenceu a uma das fazendas de Almir Sater

Em Campo Grande, árvores "doentes são tratadas com soro"
MEIO AMBIENTE
há 12 horas

Em Campo Grande, árvores "doentes são tratadas com soro"