18 de outubro de 2021
Campo Grande 23º 17º

DISSEMINAÇÃO DO VÍRUS

Eduardo Bolsonaro e Tereza Cristina testam positivo para Covid-19

Filho do presidente esteve comitiva brasileira em viagem aos EUA, que infectou primeiro o ministro da Saúde

A- A+

Enquanto Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) esteve na comitiva brasileira da viagem aos Estados Unidos, Teresa Cristina (DEM-MS), que é ministra da Agricultura, não. Do círculo próximo ao presidente, ambos foram diagosticados com Covid-19, depois do ministro Marcelo Queiroga

Ainda, houve recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para que todo o grupo que esteve em Nova York fosse colocado em isolamento. 

Ao R7, Eduardo disse que fez o teste ontem (23.set.2021) e recebeu o resultado nesta 6ª feira (24.set.2021). Já Tereza Cristina disse no Twitter que está bem, cancelou compromissos e ficará isolada para cumprir quarentena.

No fim de semana, data para quando estava marcada sua motociata com o parlamentar líder de seu governo Ricardo Barros, o presidente deverá realizar um novo teste RT-PCR, segundo informações da Agência Folhapress. 

Ainda que a recomendação da Anvisa seja para 14 dias de reclusão, se não for detectada a presença do vírus, foi anunciado que Bolsonaro deixará o isolamento. 

Diante dos diagnósticos, o presidente disse que duas pessoas conhecidas foram infectadas com Covid, mesmo vacinadas e aproveitou para desacreditar os imunizantes, sem citar quem havia testado positivo para Covid.

Jair Bolsonaro levou uma comitiva de 18 pessoas para Nova York, na noite de 3ª (21.set.2021) o avião saiu dos EUA e pousou no início da manhã de 4ª (22.set.2021) no Brasil. 

Essa viagem, entre vexames e escândalos, foi marcada por seu discurso negacionista na Organização das Nações Unidas (ONU), em que atacou medidas de distanciamento social e defendeu medicamentos comprovadamente ineficazes para a doença.